Usuarios da semana...

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Brincar. Rir. Crescer.

Dia das crianças chegando.... 
E agora MIM com sobrinha novinha hmmm uma delícia... ae lembrei de uma marca de brinquedo não brasileira, masss como muita coisa que usamos no nosso dia-a-dia também não é... com isso lembrei de um blog que frequento... quando quero saber sobre marcas... "Mundo das marcas", fui lá e achei esse post sobre a "Fisher Price" então aqui vai um belissimo "CRTL/C+CTRL/V"
Há décadas seus educativos brinquedos são sinônimos de qualidade, confiança e durabilidade no aprendizado de crianças do mundo inteiro. Dificilmente uma criança passa sua infância sem ter contato com algum brinquedo da FISHER-PRICE. Brincar, rir, crescer e aprender. Com esses objetivos são desenvolvidas suas linhas de brinquedos, criando um conhecimento melhor dos pais em relação aos filhos.
-
A história
A marca surgiu em 1 de outubro de 1930 nos Estados Unidos, em meio ao período da Grande Depressão que assolava o país. Herman G. Fisher e Irving L. Price, juntamente com Hellen M. Schelle fundaram a empresa depois de reconheceram as necessidades e potenciais do mercado para uma nova linha de brinquedos com alta qualidade. Os brinquedos eram feitos com materiais e substâncias não tóxicos, extremamente duráveis, grande qualidade e enorme variedade de cores. O primeiro brinquedo da empresa foi o Dr. Doodle, um pequeno patinho de madeira com rodinhas e cordinha que ao ser puxado abria o bico, vendido a menos de US$ 3 em 1931. O sucesso da linha de 13 brinquedos, composta por móveis para crianças e outros brinquedos feitos de madeira, foi consagrado quando os proprietários da empresa resolveram expô-los na feira American International Toy Fair na cidade de Nova York. Rapidamente eles se transformaram em um verdadeiro sucesso. Na década de 50, com a popularização do plástico, a empresa comprou a produtora de plástico Trimold, passando a confeccionar seus brinquedos com o material. O primeiro brinquedo produzido pela empresa feito de plástico foi Buzzy Bee, uma simpática abelhinha. No final desta década a FISHER-PRICE já produzia 39 brinquedos diferentes feitos de plástico.

No ano de 1968 foi a pioneira ao inaugurar um Centro de Pesquisas Infantis, dedicado ao aprimoramento e desenvolvimento de seus brinquedos. A idéia por trás deste centro de pesquisa era muito simples, fazer com que as crianças pudessem brincar com os novos lançamentos, enquanto os engenheiros e designers observavam, para poder desenvolver e aperfeiçoar os brinquedos que iriam ser lançados ou os que já estavam no mercado. Desde sua criação a FISHER-PRICE desenvolveu, patenteou e produziu mais de 4 mil brinquedos para crianças recém nascidas e com até 5 anos de idade. Anualmente a empresa tem cerca de 5 mil idéias para fabricar novos brinquedos, porém entre 125 à 150 chegam a linha de produção. No ano seguinte a marca foi comprada pela Quaker Oats Company, que expandiu sua capacidade de produção internacionalmente para o México, Bélgica, Inglaterra, além dos estados da Califórnia e Texas. A linha de brinquedos começou a ganhar diversidade em 1974 com o lançamento de linhas para crianças muito pequenas.
Não demorou muito para alguns produtos dessa linha se tornarem os mais vendidos do país. Dois anos depois, a marca começou a promover seus produtos através de comerciais de televisão, inseridos nos intervalos de programas infantis. Em 1982 a empresa criou a divisão de brinquedos audiovisuais, responsável pelo lançamento de brinquedos como rádio AM/FM com microfone, gravador e câmeras de gravar, com designer especificamente criado para crianças. A popularidade da FISHER-PRICE nesta época estourou. Depois de anos de forte crescimento, em 1993 a empresa se fundiu com a gigante Mattel, tornando-se a maior produtora de brinquedos infantis e pré-escolares do mercado. Com grande poderio financeiro, a marca começou uma forte expansão de seus produtos internacionalmente.

Quer saber mais?! Clica aqui no nome do blog de onde tirei essas informações...

Fonte: blog Mundo das Marcas